Brasil

10 lugares fora do óbvio para viajar em Minas Gerais

Muita natureza, cenários charmosos e pratos de dar água na boca: selecionamos locais ainda pouco explorados para você viajar em MG e aproveitar um fim de semana perfeito!

“Minas são muitas”, já dizia o escritor João Guimarães Rosa. E como ele tinha razão: o estado tem de tudo! Comida boa e farta, arquitetura colonial, artesanato, religiosidade, águas termais, parques com trilhas e cachoeiras, grutas, esportes radicais… E um tanto de “outros trem”, até o trem de ferro!

Com tanta coisa para explorar, a gente preparou essa lista com dicas de lugares para viajar em Minas Gerais que vão além dos destinos mais turísticos. Para quem já vive no estado, é uma chance de descobrir novos caminhos; para os visitantes, é a oportunidade de conhecer mais o estado e se apaixonar pelo povo mineiro, que conquista os visitantes com um jeitinho todo especial.

Na lista abaixo, você confere oito destinos ideais para viagens curtinhas mesmo, de fim de semana ou feriado, além de duas hospedagens tão incríveis que, por si só, já valem a viagem! Os lugares são bucólicos, cheios de natureza e cantinhos perfeitos para quem quer deixar a pressa do dia a dia de lado.

Então, partiu desvendar esses lugares para viajar em Minas? Ah, não se esqueça de deixar espaço na mala para os muitos doces, queijos e cachaças que você comprará durante a viagem!

1. Faça trilhas e conheça belas cachoeiras em Ibitipoca

Conceição do Ibitipoca é um distrito do município de Lima Duarte e fica na Zona da Mata mineira. Para chegar lá, você precisa encarar 27 km de estrada de terra, praticamente um túnel do tempo que leva a outra época: o lugarejo conserva ruas de paralelepípedos, charmosas casinhas coloridas e a instagramável Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, do século 18.

O destino é excelente para quem gosta de natureza. O Parque Estadual do Ibitipoca, um dos mais visitados do Brasil, apresenta belas trilhas e cachoeiras. Dá para explorar o parque seguindo três roteiros: a Janela do Céu, com 16 km, o Pico do Pião, com 11 km e o Circuito das Águas, com 5 km — todos repletos de paisagens de tirar o fôlego, com direito a rios, lagos, grutas, picos, pontes e mirantes!

Entre uma aventura e outra, você pode curtir o delicioso clima ameno da serra em bares e restaurantes que servem pratos típicos da culinária mineira, como o apetitoso pão de canela. Uma delícia sentir o cheirinho doce pelas ruas da cidade!

Hotéis & Aluguéis por Temporada - Lima Duarte

189 Hotéis
Ver destino

Nossa dica de onde ficar em Ibitipoca:

1/4

Serra do Ibitipoca Hotel de Lazer tem chalés bem românticos, distribuídos por uma área de reserva ambiental. As aconchegantes acomodações contam com lareira, cafeteira e varanda. Algumas, de categoria superior, ainda trazem rede e churrasqueira ou banheira de hidromassagem.

O hotel tem uma estrutura de lazer completa, com piscina aquecida, sauna, ofurô bem em frente ao lago, playground, quadra, salão de jogos, trilhas e até arvorismo. O restaurante, aberto até o jantar, oferece delícias da culinária italiana e uma selecionada cartas de vinhos.

Além da excelente infraestrutura, outro destaque da hospedagem é a localização: o hotel fica a apenas alguns metros da entrada do Parque Estadual do Ibitipoca. Nada mal, não é mesmo?

Serra Do Ibitipoca

Lima Duarte
8.1 Muito bom (100 avaliações)

2. Descubra as belezas e os sabores da Serra da Canastra

São Roque de Minas é famosa pela produção do autêntico queijo canastra, com fazendas que recebem os turistas para conhecer o processo de produção e experimentar essa iguaria. As fazendas Capão Grande, onde o Carlos Henrique e a Solange recebem os visitantes, e a Agroserra, que produz queijos imensos, são algumas das mais famosas.

A cidade também é a porta de entrada para quem quer conhecer o Parque Nacional da Serra da Canastra, uma área verde de 200 mil hectares. As muitas trilhas e os paredões de rochas são enormes atrativos para quem gosta de se aventurar em meio à natureza ou só apreciar tantas belezas naturais que se estendem por seis municípios da região.

A portaria principal do parque fica em São Roque de Minas. Entrando por lá, é possível conhecer a nascente do Rio São Francisco e a parte alta da belíssima cachoeira Casca D`Anta. A 50 km dali fica Vargem Bonita, onde está a portaria 4 do parque, que dá acesso à parte baixa da Casca D`Anta.

Hotéis & Aluguéis por Temporada - São Roque de Minas

85 Hotéis
Ver destino

Nossa dica de onde ficar em São Roque de Minas:

1/4

O queijo canastra e um cafezinho nunca faltam no Chapadão da Canastra. A gastronomia é um dos diferenciais do hotel, que oferece aos hóspedes um café da manhã caprichado, com delícias locais de dar água na boca! A localização é outro grande destaque: a hospedagem mescla o rural e o urbano, já que fica no centro da cidade, mas também às margens do Rio do Peixe e ao lado do Parque Nacional da Serra da Canastra.

A área de lazer conta com piscina, hidromassagem e salão de jogos, e os apartamentos trazem uma agradável varanda com vista para a cidade ou para a serra, para você poder relaxar apreciando uma bela paisagem.

Chapadão da Canastra

São Roque de Minas
8.2 Muito bom (122 avaliações)

3. Encante-se com as quedas d'água de Carrancas

Famosa pelo grande número de cachoeiras, Carrancas é uma cidade localizada no sul de Minas Gerais. São inúmeras as atrações turísticas, com opções tanto para quem busca aventura, quanto tranquilidade. As paisagens encantadoras já serviram até de cenários para as gravações de diversas novelas!

O complexo da Zilda é o point da cidade, com três cachoeiras e um divertido escorregador natural. Outras quedas d’água imperdíveis para um banho gelado são a da Esmeralda e a do Tira-Prosa. A cachoeira da Fumaça, o cartão-postal do município, é imprópria para banho, mas compõe um cenário de encher os olhos.

Falando em vistas de babar, não deixe de ir até a Chapada dos Perdizes, ponto mais alto da cidade, com vista para as serras das Broas, Moleque e Abanador. Dê uma paradinha também no centro do município para conhecer a Igreja Nossa Senhora da Conceição de Carrancas, toda feita de quartzito, construída ainda no século 18.

Hotéis & Aluguéis por Temporada - Carrancas

94 Hotéis
Ver destino

Nossa dica de onde ficar em Carrancas:

1/4

Pousada Além das Formas fica em uma linda área verde, com vista para toda a cidade. Ali, a ideia é manter a harmonia com a natureza: a propriedade tem duas cachoeiras e uma gruta, além de um pomar com grande variedade de frutas e uma horta orgânica.

As delícias caseiras são servidas no apetitoso café da manhã, que inclui opções saudáveis. Os produtos oferecidos aos hóspedes também são veganos e orgânicos. Os viajantes se acomodam em chalés com varanda e há suítes maiores, que acomodam até quatro pessoas, perfeitas para viagens em família!

Além Das Formas

Carrancas
8.8 Excelente (47 avaliações)

4. Viva muitas aventuras a dois em Gonçalves

Localizada na Serra da Mantiqueira, Gonçalves ainda está se despontando como destino turístico em Minas Gerais. A cidade conserva o ar interiorano, mas com uma pegada descolada, cheia de pousadas convidativas para viagens a dois, oportunidades para o turismo de aventura e uma gastronomia de dar água na boca.

Há desde restaurantes simples e encantadores, com comida caseira servida no fogão a lenha, até locais refinados, com menu completo e carta de vinhos, passando por lojinhas charmosas que vendem produtos artesanais. Uma delas é A Senhora das Especiarias, uma ótima chance de levar deliciosas geleias para casa. Ah, e todo sábado de manhã tem feirinha de produtos orgânicos na cidade!

Já os belos bosques de araucárias em Gonçalves proporcionam boas atividades de ecoturismo. Dois quilômetros de trilha levam até a Pedra do Forno, que é o ponto mais alto da região, com 1.970 metros de altitude e uma vista impressionante. Também dá para se refrescar em cachoeiras, fazer boia-cross no Rio Capivari, passear de 4×4 e até mesmo voar de paraglider!

Hotéis & Aluguéis por Temporada - Gonçalves

246 Hotéis
Ver destino

Nossa dica de onde ficar em Gonçalves:

1/4

Cercados pela Mata Atlântica, os aconchegantes chalés da Pousada Passaredo são perfeitos para repor as energias depois de um dia cheio de atividades. As acomodações apresentam varanda com rede e lareira pra os dias mais frios — que combinam muito bem com uma boa taça de vinho. Alguns dos chalés ainda têm vista para o riacho que passa pelo terreno.

Os hóspedes aproveitam a piscina ao ar livre, sauna e trilhas pelos arredores. No restaurante da pousada, dá para saborear pratos preparados com frutas colhidas no pomar e outros ingredientes saídos diretamente da horta orgânica da propriedade.

Pousada Passaredo

Gonçalves
8.2 Muito bom (235 avaliações)

5. Visite a capital mineira do ecoturismo

Conceição do Mato Dentro fica na Estrada Real e, não por acaso, é considerada a capital mineira do ecoturismo, já que são muitas belezas naturais. O destaque vai para a Cachoeira do Tabuleiro, com 273 metros de queda d’água que a consagram como a mais alta cachoeira de Minas Gerais e a terceira mais alta de todo o Brasil.

São apenas dois quilômetros de trilha, mas a ida até a cachoeira leva cerca de duas horas e, a volta, duas horas e meia. O trajeto é bem íngreme, mas conta com escadas e corrimões que facilitam o acesso. Uma curiosidade: a Cachoeira do Tabuleiro também é conhecida como “cachoeira do coração”, por causa do formato do paredão por onde caem as águas. Romântico!

O centro histórico de Conceição do Mato Dentro também vale a visita, com construções coloniais preservadas, como a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos e a Cadeia Antiga. Outro passeio imperdível é visitar a Fazenda Córrego Taboão, onde a Nicinha comanda a produção dos queijos: Minas padrão, curado, com fungo ou em trancinhas — um mais gostoso que o outro!

Hotéis & Aluguéis por Temporada - Conceição do Mato Dentro

48 Hotéis
Ver destino

Nossa dica de onde ficar em Conceição do Mato Dentro:

1/4

Tabuleiro Eco Hostel é ideal quem viaja em busca de fazer novos amigos, já que oferece espaço de convivência com bar e restaurante, área de camping e quartos compartilhados. Mas se você preferir, também dá para ter mais privacidade e ficar em uma suíte tradicional.

Em qualquer uma das acomodações você ficará bem perto da natureza, aproveitando o cenário paradisíaco e o ar puro da região e deixando as preocupações do cotidiano lá longe. Que tal?

Tabuleiro Eco

Conceição do Mato Dentro
7.9 Bom (30 avaliações)

6. Explore a gastronomia e os museus de Juiz de Fora

A gastronomia de Juiz de Fora é de lamber os beiços. São bares, restaurantes, cervejarias e cafeterias de fazer inveja em muitas outras cidades. Eu poderia citar dezenas de estabelecimentos aqui, mas vou indicar apenas três que, para mim, já valem a viagem inteira.

O Mr. Tugas tem uma das melhores pizzas que já comi na vida, além de ser também uma cervejaria artesanal com diversas opções. Já o Rellicário Brigaderia faz os brigadeiros mais sensacionais do planeta, são de enlouquecer qualquer amante de doces. E o Bar do Bigode tem o torresmo mais famoso do Brasil!

Juiz de Fora também é uma cidade com 170 anos de história. Quem gosta de visitar museus vai adorar conhecer o Mariano Procópio, com um acervo tão incrível quanto os lindos jardins que o rodeiam, o Memorial da República Presidente Itamar Franco e o belíssimo Museu do Crédito Real.

Um passeio a pé pela Rua Halfed, a principal da cidade, cheia de galerias e prédios históricos, nos transporta diretamente aos tempos do Brasil Império. Destaque para o tradicional e elegante Cine-Theatro Central, que recebe shows e espetáculos até hoje.

Hotéis & Aluguéis por Temporada - Juiz de Fora

184 Hotéis
Ver destino

Nossa dica de onde ficar em Juiz de Fora:

1/4

Trade Hotel é sinônimo de conveniência e praticidade para os hóspedes. Começando pela localização, exatamente ao lado do Independência Shopping, em uma região movimentada da cidade, cheia de lojas e restaurantes.

Os apartamentos são amplos e confortáveis, e a estrutura do hotel inclui uma bela piscina ao ar livre na cobertura, de onde dá para ver a cidade inteira, além de sauna, espaço fitness, parquinho e espaço de eventos de até duas mil pessoas, onde acontece o badalado réveillon da cidade! Ah, uma dica: não saia de lá sem provar a suculenta costela assada em fogo de chão do Costelaria do Zé, restaurante da hospedagem.

Trade Hotel

Juiz de Fora
8.4 Muito bom (937 avaliações)

7. Visite uma encantadora gruta em Sete Lagoas

A Gruta Rei do Mato é o principal atrativo de Sete Lagoas, município no centro de Minas Gerais que cresce graças à atividade industrial e ao turismo. A gruta encanta os visitantes com seus quatro salões – no Salão dos Castelos, o principal, estalagmites impressionantes quase alcançam o teto, criando um cenário incrível! O passeio é divertido também para as crianças a partir dos seis anos de idade, já que há passarelas e escadas que facilitam a caminhada entre os ambientes, além da iluminação que ressalta a beleza natural do local.

O Museu Ferroviário e a charmosa Catedral de Santo Antônio também valem a visita, ainda mais para quem gosta de história. Uma caminhada na orla ou um passeio de pedalinho na Lagoa Paulino, outro cartão-postal da cidade, são outras opções de passeios agradáveis para adultos e crianças. Na orla, há bares e restaurantes para você curtir a paisagem e observar o movimento da região degustando um drink e saboreando deliciosos petiscos. Quer algo melhor?

Agora, se o que você quer é ver Sete Lagoas de cima, então a Serra de Santa Helena é o lugar. São mil metros de altitude. Lá em cima, além de curtir a vista panorâmica imbatível de toda a cidade, os visitantes podem conhecer uma capelinha fofa. Os mais aventureiros têm até a oportunidade de fazer um inesquecível voo de parapente. O pôr do sol visto dali é imperdível também — o melhor jeito de terminar um dia de passeios na cidade!

Hotéis & Aluguéis por Temporada - Sete Lagoas

54 Hotéis
Ver destino

Nossa dica de onde ficar em Sete Lagoas:

1/4

Tulip Inn fica de frente para o Shopping Sete Lagoas, uma ótima comodidade para os hóspedes. As suítes apresentam grandes janelas com vista para a serra, e a decoração dos ambientes é bem moderninha, com cadeiras coloridas, quadros abstratos e objetos de design.

Os viajantes que gostam de manter a rotina de exercícios devem gostar da academia de ginástica bem equipada! Já o bar e o restaurante têm cardápio variado, e no café da manhã dá pra pedir vitaminas e omeletes fresquinhos, feitos na hora.

Tulip Inn Sete Lagoas

Melhor avaliado
Sete Lagoas
8.9 Excelente (288 avaliações)

8. Prove o melhor pudim do mundo e faça esportes radicais em Extrema

Situada na divisa com São Paulo, na Serra da Mantiqueira, Extrema tem cinco rotas turísticas para entreter os visitantes: os caminhos incluem cachoeiras, subidas a pedras gigantes e até mesmo a possibilidade de praticar rafting e voo livre, para aqueles que são mais aventureiros, além de passeios a ateliês de arte e alambiques.

Outra dica de passeio interessante e diferente é visitar o Centro de Treinamento Equestre de Extrema, o CTEE, um lugar lindo. Lá, você conhece o trabalho de treinamento dos cavalos, assiste a apresentações e pode até dar uma voltinha pelos obstáculos de provas!

Para começar bem o dia, é só tomar café da manhã no Café do Boiadeiro, onde tudo é preparado com muito amor pelo seu Dito e pela dona Jurema, os donos da fazenda. A dica para o almoço é o Armazém Bertolotti, tocado pelos irmãos Jair e Eduardo, que tem uma comida divina e já ganhou até prêmio de melhor pudim do mundo, na França.

Hotéis & Aluguéis por Temporada - Extrema

87 Hotéis
Ver destino

Nossa dica de onde ficar em Extrema:

1/4

Localizado na entrada da cidade, o Hotel Flambyant oferece fácil acesso para as atrações da região, apartamentos confortáveis e um café da manhã delicioso. Depois de um dia de passeios, os hóspedes ainda podem relaxar na piscina aquecida.

Não saia de lá sem provar o suculento leitão à pururuca acompanhado de couve, banana frita, arroz, tutu e ovo. O prato é servido no restaurante do hotel e é uma maravilha!

Flamboyant

Extrema
7.8 Bom (12 avaliações)

9. Hospede-se em um castelo em Araxá

Já pensou em se hospedar em um hotel luxuoso, inaugurado em 1944 pelo então presidente brasileiro Getúlio Vargas? Pelos corredores do Grande Hotel e Termas de Araxá, que abrigava um dos seis cassinos de Minas Gerais à época, circulava a nata da sociedade brasileira. Banquetes e shows aconteciam nos suntuosos salões, sempre com a presença de políticos, empresários e artistas. Há quem diga até que o Golpe Militar de 1964 foi planejado na suíte presidencial do hotel.

Nas termas, águas sulfurosas e radioativas, além da lama, são usadas nos tratamentos terapêuticos. O ambiente cheio de vitrais e afrescos impressiona pela beleza. Há também uma mandala no piso da rotunda das termas, que é composto por mármores de pedras brancas e pretas — dizem que ali está um dos pontos de energia da terra. Por isso muitas pessoas se sentam sobre a figura, bem no centro, buscando fazer uma conexão com o universo e recarregar as energias.

Além das termas, o Grande Hotel e Termas de Araxá oferece uma programação cheia de atividades para toda a família. No belo lago da hospedagem, dá para passear de caiaque ou praticar stand up paddle. Nos dias mais quentes, os hóspedes ainda curtem o sol na enorme piscina ao ar livre. Outro programa interessante é o tour histórico pela hospedagem, que acontece de segunda à sábado — os pequenos (e os adultos também) vão adorar explorar esse verdadeiro castelo!

Tauá Grande Hotel Termas de Araxá

Araxá
7.9 Bom (529 avaliações)

10. Nade em um lago mineral de águas termais

Outro hotel que por si só vale a viagem é o Águas de Santa Bárbara Resort Hotel, que fica em Augusto de Lima, no norte de Minas Gerais. Localizado entre as serras do Cabral e do Espinhaço, o grande destaque da hospedagem é o lago mineral de água termal, com uma temperatura natural de 32 graus.

O que não faltam aqui são opções para o lazer! Há uma enorme piscina também com água mineral e bar molhado, piscina infantil e playground para as crianças, sauna, quadras de tênis, de areia e poliesportiva, campo de futebol society e salão de jogos com sinuca, pingue-pongue, totó e baralho.

Os amantes de aventuras em meio à natureza ainda podem fazer trilhas, tomar banho de cachoeira, passear de bicicleta (que pode ser alugada na hospedagem mesmo), ou pescar – tudo isso sem precisar sair do resort!

Os apartamentos são amplos e trazem varanda com rede, de onde dá para apreciar a exuberante natureza do cerrado mineiro. Para completar, o café da manhã, o almoço e o jantar com delícias mineiras são de dar água na boca.

Águas de Santa Bárbara Resort

Augusto de Lima

Marden e Luana

O casal se conheceu durante uma presstrip, em 2006. Desde então, os dois desbravaram juntos mais de 200 cidades, 16 estados e 12 países. São nômades digitais e registram tudo nos canais de comunicação do Turismo de Minas, um dos principais sites de viagens sobre Minas Gerais!
Site dos autores